Quais os Tipos de Terrenos que existem

Vamos entender e conhecer os 3 tipos de terrenos!

Você sabia que existem diferentes tipos de terrenos? Então, fique atento a este texto e descubra quais são!

Muitas pessoas, hoje em dia, preferem comprar um terreno ao invés de uma casa.

Advertisement

É possível compreender os motivos.

Primeiramente, um terreno onde não há nada construído tende a ser mais barato do que comprar um imóvel.

Outro motivo é que você pode fazer o que quiser nele.

Muitas vezes não encontramos a casa que desejamos, ou então planejamos fazer algo bem diferente.

Advertisement

O terreno traz esta possibilidade de poder fazer algo novo, do zero, da maneira que você desejar.

Contudo, nem todos os terrenos são iguais.

Eles se dividem em alguns tipos. E, cada um deles traz desafios particulares.

A divisão tem a ver com a topografia do terreno, e são separados em 3 tipos.

Portanto vamos entender mais destas questões topográficas e conhecer os 3 tipos de terreno. Leia em:

O que é isso

O que é Topografia

A topografia nada mais é do que o estudo bem criterioso das características físicas de um terreno.

Advertisement

Ela permite uma descrição dele nos seus pormenores.

E quando falamos disso nos referimos não apenas ao tamanho do terreno em questão, mas também à localização de todos os seus acidentes naturais.

Afinal de contas, a presença destes acidentes no terreno pode tornar mais complicada a construção de algo, o que aumenta os custos.

Pois, por uma questão lógica, se o terreno for muito inclinado, você terá que fazer diversas modificações estruturais.

Como, por exemplo, mover a terra, realizar fundações ou até mesmo construir muros de arrimo.

Portanto, vemos que entender o relevo do terreno em questão é uma arte fundamental que você não pode desprezar na hora de comprar um terreno.

A seguir, vamos apresentar os 3 tipos mais comuns: terrenos planos, em aclive e em declive.

Veja esse vídeo sobre Topografia:


Tipos de terrenos conhecidos

Terrenos planos

Vamos começar falando do terreno ideal – aquele que é mais fácil de realizar construções. O terreno plano.

O site OLX, especialista em compra e venda de imóveis, apontou que nos últimos anos a procura de terrenos tem crescido bastante.

E muitos deles são terrenos planos – os preferidos dos compradores.

No entanto, pelas conveniências que este tipo de relevo proporciona, ele de fato é mais caro que os outros tipos.

Um terreno plano é aquele que não possui acidentes naturais, o que favorece muito a construção.

Ou seja, você não precisa se preocupar em fazer uma preparação especial do solo quando for construir algo neste tipo de terreno, como terraplanagem.

Terrenos são planos quando eles estão perfeitamente nivelados com a rua.

Eles são ótimos para construções de casas térreas, além de permitirem uma maior liberdade na elaboração do projeto arquitetônico.

Neles, é possível inclusive construir prédios com bastante segurança. Não é ótimo?

Isso porque os alicerces vão ficar bem firmes no solo. Mas, é claro que nem tudo são flores.

Os desafios que o terreno plano oferece

Certo, sabemos que este tipo de terreno é o preferido pelos compradores, por não ter necessidade de alterações profundas no solo.

Além disso, é muito mais simples ter uma clara visualização de como vai ficar a obra no seu final.

Construções em terrenos planos são menos custosas e mais rápidas, mas isso não quer dizer que não tenha também seus desafios.

Um deles é o problema da insolação. Terrenos planos são mais suscetíveis ao bloqueio de luz por construções que são feitas em volta dele.

Outra questão a se preocupar é o escoamento de água.

Caso você esteja em uma região em que existem chuvas frequentes, será necessário tomar providências com relação à água que ficará parada.

Mas ainda assim este terreno é um dos mais tradicionais em questões topográficas, o que faz dele uma ótima escolha.

Terrenos em aclive

Agora vamos começar a falar dos terrenos que possuem inclinações. O primeiro deles é o terreno em aclive.

Eles possuem a parte traseira mais alta do que a que está localizada na frente, ou seja, na saída para a rua.

Os desafios mudam de acordo com o nível de inclinação. Uma pequena elevação vai demandar apenas alguns degraus na casa.

No entanto, se ela for muito grande, então o ideal é ter pilares específicos de sustentação.

Também pode ser necessário realizar um trabalho de terraplanagem para manter o solo ais nivelado. E isso decerto aumenta os custos da obra.

No entanto, aquele problema com escoamento de água que os terrenos planos têm, aqui não existe.

Outra vantagem deste tipo de terreno é que a construção que for feita vai parecer bem maior do que na verdade é, o que é bem interessante.

Sem dizer que abre espaço para projetos arquitetônicos mais ousados.

Terrenos em declive

Este tipo de terreno é aquele que possui um fundo indo para baixo. Ou seja, a rua está em uma posição mais alta do que os fundos do terreno.

Isso não quer dizer que você não possa aproveitá-lo em sua totalidade.

No entanto, será certamente necessária a realização de um nivelamento, seja por muros de arrimo, seja por pilares de sustentação.

Ou então você pode assumir o declive e construir um sobrado, por exemplo, sendo que a parte que fica para a rua seria equivalente ao andar de cima.

Vantagens? Pode apostar que um terreno em declive possui algumas.

Uma delas é a privacidade.

Pois você terá uma casa mais protegida de quem passa pela rua – pois fica não haverá visão para o interior dela.

Além disso, caso você goste de plantar no jardim, a parte de trás do terreno é um ótimo lugar para fazer isso.

Pois a água da chuva vai escoar até a sua horta.

Mas a preocupação com alguns fatores também se sobressai, tais como a instalação dos canos.

Por fim concluímos que é muito importante você prestar atenção na topografia de um terreno antes de comprá-lo.

Caso você tenha interesse, saiba que pode usar até mesmo o aplicativo do Google Maps para fazer isso.

Mas, claro, a topografia não é a única coisa que você deve ficar atento na hora de comprar um terreno. Existem diversos outros fatores para levar em consideração.

Saiba mais sobre o Mercado Imobiliário, veja aqui.

Enfim, hoje você compreendeu quais são os tipos de terrenos e a diferença entre eles, gostou do conteúdo? Então, compartilhe em suas redes sociais.

Leia também

Esse site usa cookies Ok Mais detalhes

Termos & Política de Privacidade
Clique e Entre em Nosso Grupo 🥰